Destaque!

Regina Duarte no governo Bolsonaro: "assumirá a Secretaria Especial da Cultura" "a Globo pirou"

Regina Duarte é convidada para o lugar de Alvim Conhecida por suas posições de direita, vem sendo cortejada por membros do entorn...




Senadores querem proibir Bolsonaro de indicar para o STF conservadores de direita







O presidente Jair Bolsonaro indicará para o Supremo, um juiz ou até mesmo um advogado de extrema direita, isso assusta até mesmo os ministros do próprio STF



Um golpe baixo

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ) vai analisar mudanças na forma de escolha dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Atualmente, a escolha é feita pelo presidente da República mas, com a proposta, a indicação seria feita a partir de uma lista tríplice, com nomes indicados por STF, pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e pela Procuradoria-Geral da República.





Nos corredores do Congresso não se fala em outra coisa, "Impedir a indicação" 

Olhando para o cenário político atual e com uma visão mais ampla para o STF, não se trata de mudanças na forma de escolhas, mas quem será escolhido. -Esse é o maior problema da esquerda que está apavorada. 

A esquerda perderá força e confiança no cenário político e jurídico "STF". O presidente Jair Bolsonaro indicará para o Supremo, um juiz ou um advogado de extrema direita, isso assusta até mesmo os ministros do próprio STF, que em sua maioria foram indicados pelo "PT".

Além disso, se a novidade for aprovada, o mandato seria fixado em dez anos, sendo proibida a recondução. Essas mudanças estão previstas no substitutivo do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), elaborado a partir da PEC 35/2015, proposta de emenda à Constituição apresentada pelo senador Lasier Martins (Podemos-RS). Anastasia também incorporou sugestões de outras propostas.



Alerta! 
Nunca na história do país um partido indicou tantos ministros para o STF e ninguém disse nada. 

Indicações para o Supremo:

LULA – 8
Cezar Peluso, Carlos Alberto Menezes Direito, Carlos Ayres Britto, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Eros Grau, Joaquim Barbosa e José Antonio Dias Toffoli.

DILMA ROUSSEFF – 4

Luiz Fux, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Teori Zavascki.

A esquerda perdeu força e fará de tudo para impedir a indicação do presidente Jair Bolsonaro. 

BOLSONARO - Querem impedir o primeiro. 








Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir; Aliança pelo Brasil


_ _
"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"



Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

As mais lidas do dia..