Destaque!

Bolsonaro deixa repórteres chupando o dedo e foi embora

O presidente Jair Bolsonaro não quis dar entrevista a repórteres e jornalistas no Palácio da Alvorada, nesta segunda-feira (10). Jair ...




Vai começar a "lava toga" Palocci delata ex-ministro e advogado (50 milhões de reais) para “derrubar” uma Operação da PF no governo Dilma







Lava Toga na Castelo de Areia


A Crusoé publicou em primeira mão o que Antonio Palocci contou sobre a manobra para enterrar a Castelo de Areia, alvo da PF nesta quinta-feira.

Leia aqui:

“Antonio Palocci afirma que em um encontro realizado na residência oficial de Dilma Rousseff, o ex-ministro e advogado Márcio Thomaz Bastos disse que a Camargo Corrêa iria doar 50 milhões de reais para a campanha presidencial da petista em 2010 em troca de uma ajuda do governo para “derrubar” a Operação Castelo de Areia no Superior Tribunal de Justiça. A ajuda do governo seria fomentar a indicação do então presidente do STJ, Cesar Asfor Rocha, para uma vaga no STF. 


A operação foi anulada em abril de 2011, mas como a indicação de Rocha ao Supremo acabou não se concretizando, a Camargo Corrêa teria pago 5 milhões de reais ao ministro. Pelo serviço prestado, Palocci recebeu 1,5 milhão de reais por meio de sua empresa de consultoria.”






Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir; Aliança pelo Brasil


_ _
"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"



Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

As mais lidas do dia..