Neste site tem: "Black Friday"




Delegado Waldir, líder do PSL na Câmara, não aguenta o tranco, pede arrego a Bolsonaro "Somos que nem mulher traída"









Depois de atacar Jair Bolsonaro em um áudio ao qual O Antagonista teve acesso, o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir, amenizou o tom na noite desta quinta-feira e manifestou apoio ao presidente.

“Isso já passou. Nós somos Bolsonaro. Somos que nem mulher traída, apanha, mas mesmo assim volta ao aconchego”, ironizou o parlamentar.

No áudio obtido por O Antagonista, Delegado Waldir chama Bolsonaro de vagabundo e fala em implodir o presidente.

“Eu vou implodir o presidente. Aí eu mostro a gravação dele. Eu tenho a gravação. Não tem conversa, não tem conversa. Eu implodo o presidente. Acabou o cara. Eu sou o cara mais fiel a esse vagabundo. Eu votei nessa porra. Eu andei, no sol, 246 cidades gritando o nome desse vagabundo.”

Em seguida, ele confirmou à reportagem o conteúdo das suas afirmações.

“Confirmo, com certeza. Tudo o que eu falei é verdadeiro. Confirmo, sim, essa fala”, disse o deputado, por telefone.


Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;


"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"



Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque!

Vídeo; Joice é detonada por Agência "quando um político fala de meio ambiente a possibilidade de sair 'caca' é de 100%"

Quando um político tenta falar de meio ambiente a possibilidade de sair 'caca' é de 100% Joice Hasselmann publicou em seu Ins...

As mais lidas do dia..